12 de julho de 2009

Entrelinhas

blueline-HandsWithLine-w700
Tela de Trude Zmoelnig 


Entre o escrito e o não escrito
há uma linha
Entre o dito e o não dito
há o silêncio
Entre os olhos teus e os meus
uma saudade
Entre o beijo e o adeus
a eternidade
Entre a noite e o dia
a escuridão
Entre o fim e o começo
uma razão
Entre o certo e o errado
há um princípio
Entre o bem e o mal
um precipício
Entre a prosa e a poesia
inspiração
Entre o crime e o castigo
há o perdão
Entre a vida e a morte
há uma rinha
Entre o dever e o prazer
uma lição
Entre o ler e o entender
há entrelinhas...
27/01/2005
Ariadna Garibaldi

4 comentários:

  1. Adorei seu blog, linda poesia é bom encontrar bons poetas. Márcio Ferreira

    ResponderExcluir
  2. Passando pra te ler...E que primor de poema encontro! Lindo, muito lindo!

    ResponderExcluir
  3. Marcio, obrigada pela visita e comentário; Fico feliz que você gostou!

    ResponderExcluir
  4. Elis, que bom! É sempre uma alegria sua visita, ainda mais com um comentário tão gentil, obrigada!

    Beijos

    ResponderExcluir

Aparência

Tela de Román de Blas Aparência O sorriso - algumas vezes - é apenas o disfarce das lágrimas que não chegam até a ...