15 de outubro de 2009

Lucinda

Que linda menina30-a-menina
de olhos tão vivos
e sempre precisos
os seus pensamentos

nas leituras dos livros
os sonhos urdidos
as mil brincadeiras
à sombra das árvores

as notas tão altas
o riso tão largo
tão cheia de afagos
e palavras doces

a  bela Lucinda
escondeu-se do mundo
mergulhou bem fundo
ao fundo de si

acorda, Lucinda
vem ver essa lua
vem correr na praia
é quase manhã...

Tela de Dirce Bona

15/10/2009

Ariadna Garibaldi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aparência

Tela de Román de Blas Aparência O sorriso - algumas vezes - é apenas o disfarce das lágrimas que não chegam até a ...